Resíduos

Você sabe o que são os resíduos industriais? São materiais de descarte gerados nos processos produtivos de uma indústria seja ele sólido, líquido ou gasoso, todos indesejáveis ao Meio Ambiente.

Aqui na Coferly temos um grande volume resíduos sólidos. Veja alguns exemplos: luvas, panos, mangueiras, madeira, papel, papelão, borracha, EPI, o lodo da E.T.E, resíduos do nosso tratamento de esgoto industrial e filtros, embalagens ou superfícies contaminadas por óleos, tintas, solventes, reagentes etc.

Depósito de resíduos

A maioria dos nossos resíduos passa pelo coprocessamento. Mas o que é isso?

Coprocessamento é o nome dado ao processo incineração da mistura de resíduos compatíveis, que servem como matéria-prima para abastecer fornos de cimenteiras. Neste processo o resíduo é totalmente descaracterizado gerando uma mistura com outros tipos específicos de resíduos de alto poder de aquecimento.

Ou seja, o nosso lixo, é utilizado como parte da matéria-prima combustível usada para manter um forno quente ou aceso em outras indústrias.

Temos também os resíduos de pó descolorante, esse, por seu alto grau de risco são diretamente incinerados por empresas especializadas nesse descarte.

Para entendermos melhor, existe uma espécie de “cardápio” chamado de CADRI (documento emitido pela CETESB). Nesse documento contém toda relação e volume de resíduos gerados pela Coferly e o destino final para cada um deles.

Os resíduos são relacionados por classes e subclasses.

O custo para descarte dos resíduos industriais que falamos acima é alto, por isso é importante fazer a separação certinha. As embalagens, papéis, plásticos e papelões que não estiverem contaminados, devem ser separados dos outros, já que podem ser reciclados. Assim evitamos despesas desnecessárias.